↑ Voltar para Técnicas

Imprimir Página

Quilling 1ª aula

Quilling 1ª aula

 1 – Preparação

 

Escolha seu desenho, leia as instruções cuidadosamente para ter certeza de que tem tudo que precisa e junte seu material e ferramentas.

2 – Rasgar – Meça as tiras de papel com a régua e rasgue no comprimento especificado nas instruções de cada projeto. Uma beirada rasgada pode er colada melhor que a cortada e não terá uma emenda tão vicível.

3 – Enrole – Comece o 1º rolinho colocando a pontinha da tira de papel dentro do vão existente na ponta da ferramenta de quilling. (DICA: Segure a ferramenta no mesmo ângulo datira de papel para enrolar de maneira fácil e uniforme). Use seu dedo indicador e o polegar para ajudar a “guiar” o papel. Vá enrolando até chegar ao fim da tira. Mova a ferramenta ¼ de volta na sua direção (como se estivesse desfazendo as voltas). Gentilmente segure o rolinho e retire a ferramenta.

Quilling

Para fazer rolinhos mais frouxos, enrole a tira e solte. Pegue o rolinho, ajuste o tamanho desejado e coloque uma pequena gota de cola no final. Aperte com cuidado e espere alguns segundos a cola secar.

Para rolinhos apertados, deixe a tira de papel presa à ferramenta de quilling enquanto cola o final com firmeza.

Crie todos os seus rolinhos de acordo com o projeto. Assim que terminar cada um, coloque-os na régua de cortiça, se quiser prenda o centro com o alfinete.

4 – Arrume – Quando estiver satisfeita com seu arranjo, use pouca cola para juntar os rolinhos, criando os desenhos escolhidos.

5 – Para fixar as formas de quilling à base escolhida, use um palito de entes para aplicar uma fina camada de cola na base das formas.

 

FORMAS BÁSICAS

 

Quilling

Com somente algumas formas, você pode fazer uma variedade de desenhos para cartões, scrapbooks, etc. Na foto estão algumas formas dentre muitas (crie as suas!), de rolinhos de quilling Os nomes das formas, dependendo de onde são criadas, podem variar. Estas formas básicas são um excelente começo para quem é iniciante. Com elas, você estrá apta a criar uma grande variedade de desenhos.

1 – Rolinho apertado – enrole a tira. Cole o final antes de retirá-la da ferramenta de quilling. Remova-a com cuidado. Rolinhos “apertados” poder ser usados como elementos de um desenho ou colados sob outra forma para levanta-la e criar dimensão.

2 – Espiral frouxa – Esta é amais comum e básica das formas que você faz antes de ‘BELISCAR” (apertar um dos lados do espiral com o indicador e o polegar), para criar todas as outras formas. Enrole a tira de papel, retire-a da ferramenta de quilling e deixe-a aberta, sem colar a ponta de fora. Coloque-a em um molde de círculos como a régua de quilling (Se não tiver a régua, pode adaptar usando um gabarito de círculos comprado em papelarias), coloque uma gotinha de cola no final para fechar.

3 – Espiral solta – enrole a tira de papel, remova-a da ferramenta de quilling e deixe-a aberta (a ponta NÃO será colada).

4 – Espiral descentralizada – (O centro fica fora do lugar). Faça um rolinho frouxo (2). Coloque-o na régua de quilling e deixe-o solto para que se adapte ao tamanho do círculo escolhido. Cole o final para manter a forma.

5 – Espiral multicor ( 2 tiras de cores diferentes coladas em uma das extremidades). Enrole na forma que quiser. Use quantas cores preferir.

6 – Você pode também colar outra cor na extensão da tira, enrolar, colar outra…ficará bem colorida. DICA – Use papel color set que é mais fino, para não ficar pesada sua forma..

7 – Oval – Enrole uma espiral frouxa (2) Belisque gentilmente um dos lados sem apertar até o centro.

8 – Meia lua – Faça a espiral frouxa. Belisque em dois lados enquanto mantém seu indicador no meio de um lado – isso fará com que este lado fique esticado e o outro curvo, fazendo a forma.

9 – Gota – Faça uma espiral frouxa. Belisque um lado do círculo para fazer a forma da gota.

10 – Pétala – Faça uma espiral frouxa belisque um lado do círculo como se fosse fazer uma gota e incline ligeiramente para um lado para formar a pétala.

11 – Olho – Faça uma espiral frouxa e belisque os lados opostos do círculo.

12 – Folha – Espiral frouxa. Belisque os dois lados opostos do círculo fazendo a forma do olho. Enquanto belisca, curve ligeiramente as pontas para fazer a forma curva das folhas.

13 – Coração – Espiral frouxa. Belisque um lado como se fosse para uma gota. Segure e com o indicador e o polegar, segure dois lados na parte oposta e junte-os um pouco para fazer a dobra central.

14 – V espiral – Dobre a tira de papel ao meio.Enrole as extremidades para fora, até o tamanho desejado.

15 – Antena de inseto – Como o 14, porém com extremidades menores e rolinhos pequenos.

16 – T espiral – Faça como o 14, mas cole as tiras retas juntas.

17 – Coração com espiral – Dobre uma tira ao meio e enrole as pontas para dentro.

18 – Espiral solta – Enrole a tira de papel em espiral em volta da ferramenta agulha ou de um palito.

19 – Espiral ondulada – Para pequenas ondas, passe a tira por um ondulador de papéis. Enrole a tira ondulada em uma espiral frouxa. Dê forma como nas outras sem ondulado.

20 – Ondulação com tesoura – Algumas vezes você que por uma curva suave em uma tira de papel. Para isso, segure a tesoura com a lâmina para dentre em sua mão direita e a tira de papel na outra. Encoste o meio da tira na lâmina, segure ligeiramente com o polegar da mão direita para firmar e puxe gentilmente para baixo a tira. As pontas do papel ficarão com as pontas onduladas e curvadas.

Link permanente para este artigo: http://www.site.imagescrap.com.br/tecnicas/quilling-1%c2%aa-aula/

Deixe uma resposta