↑ Voltar para Artigos

Imprimir Página

Organizando o Casamento!

Organizando o Casamento!

O que? Como?Quando?Quem? 

Dicas para noivos, damas e convidados. 

Quando se é convidado para uma festa de casamento logo as preocupações se iniciam. Lista de presentes, vestido, terno, gravata, bolsa, sapato, jóias… Ufa! É tempo e dinheiro que não acabam mais!

É sempre bom ver um casal apaixonado se unindo – é a realização de um sonho. Festas de casamento também são divertidas porque juntam duas famílias e pessoas de idades e estilos diferentes. São avós e crianças, amigos arruaceiros e tias comportadas, família do noivo, família da noiva, e pessoas de quem a gente gosta, mas nunca vê.

O ritual 

O casamento é um ritual, uma homenagem àqueles que vão começar nova vida. É bacana poder compartilhar desse momento, mostrando a todos o quanto se está feliz e que você realmente se importa. Sua presença deve ser encarada como sinal de afeto, respeito e consideração aos noivos e às famílias. Deve-se, portanto, levar em conta os códigos de religião e cultura do casal. Também é de bom tom não gastar fortunas ou se transformar em algo que não se é. Faça o que estiver ao seu alcance e não se desgaste à toa.

Mãos à obra 

Procure no guarda-roupa alguma peça que ainda dê para usar, para não gastar muito, e capriche na produção. Lembre-se de que a parte superior do corpo é a que será mais vista, portanto invista nos cabelos, maquiagem, sobrancelha e colo. Reserve uma verba para uma jóia ou bijuteria fina, que irá iluminar seu rosto.

Investir num bom vestido ou terno pode ser vantajoso. Você poderá, depois, usá-los em outras situações como Natal e Réveillon. Por isso, procure algo de longa durabilidade. Experimente sem pressa e verifique se o tecido é de boa qualidade, se o acabamento é bem feito, se a modelagem lhe cai bem. Aproveite o momento para estruturar um guarda-roupa sólido, de peças boas. Resista à promoção se a roupa não for exatamente o que está procurando.

O longo não é mais obrigatório, nem mesmo à noite – a não ser numa festa a rigor. As calças já são permitidas para as mulheres, mas devem ser sofisticadas, de bons tecidos e boa modelagem, e devem ser usadas com leveza, combinadas com peças mais delicadas e românticas, não masculinas. Evite, porém, usá-las na igreja. O preto já foi incorporado, não é mais tabu, mas deve ser evitado no altar, pois alguns ainda o consideram de mau agouro.

Acessórios 

Resolvida a parte principal, pense nos acessórios. Para o homem é fundamental ter um bom sapato, engraxado e em ótimo estado. Normalmente exige-se gravata, então o mais chique no momento é não criar muito contraste entre terno, camisa e gravata. Procure tons escuros – eles são mais fáceis de combinar. Os tons escuros de cinza são elegantes e podem ser usados com gravatas um pouco mais coloridas.

Para as mulheres, sandálias altas e sapatos modelo chanel são uma boa pedida. Carteiras de mão estão em alta e bolsinhas pequenas e bordadas também. Uma solução econômica e cheia de estilo são bolsas “antigas”, vintage, compradas em feirinhas ou brechós.

O altar 

Normalmente a noiva cria uma cartela de cores para o altar e para as damas, de modo que fique tudo harmonioso e sem repetições. Procure saber das combinações e busque alternativas de cores originais, fugindo do azul, vermelho, verde e amarelo. Ameixas, berinjelas, musgo ou marrons, tijolo, dourado, cinza ou prata envelhecido são algumas sugestões bonitas e sofisticadas.

Para as damas, as cores mais leves e alegres como o fúcsia e as gamas de rosa, salmão, coral ou verde-água, ajudam a sair do comum. As madrinhas devem estar impecáveis, pois serão observadas no altar. Tecidos mais fluidos, vestidos de um ombro só, minimalistas e geométricos, são opções na moda. Evite tecidos duros e sem caimento, babados, cores muito fortes, decotes e fendas muito amplas.

Casamentos ao ar livre 

O casamento ao ar livre pede roupas mais românticas, simples e de caimento suave. Cores claras, luminosas, de pouco ou nenhum brilho e saltos mais confortáveis são recomendáveis. Estampas florais, transparências leves em sobreposição, tecidos como musselinas, crepes e georgette ficam muito bons.

A internauta Consuelo, que terá o casamento da filha numa praia da Austrália, vai precisar de uma sandália baixa – pode até ser dourada clara ou prateada. Uma túnica com pantalona, ou mesmo um lindo vestido solto de cores claras e luminosas pode resolver o impasse.

E viva o casal!

Colaborou nesta Coluna Marina Pappalardo

Link permanente para este artigo: http://www.site.imagescrap.com.br/artigos/organizando-o-casamento/

Deixe uma resposta